Nadal estreia com vitória na França

O tenista Rafael Nadal estreou nesta segunda-feira no torneio de Roland Garros, na França. Ele venceu ao bielorrusso Egor Gerasimov por 3 x 0, em duas horas e cinco minutos de partida. Sentindo um pouco de falta de ritmo de jogo Nadal teve um pouco mais de dificuldades nos dois primeiros sets, entretanto venceu assim mesmo as duas primeiras parciais com um duplo 6-4. Já no terceiro set Nadal conquistou a vitória com mais facilidade e fechou o set com a parcial de 6-2. Com esse resultado Nadal passou para a segunda rodada do torneio no saibro francês.  Agora o grande campeão espanhol enfrenta ao norte-americano Mackenzie Macdonald, 211º da ATP. O tenista europeu tenta o seu décimo terceiro título do torneio. siga no

Tênis: Thiem vence o US OPEN

Contando com saques a mais de 200 km por hora o suíço Dominic Thiem conquistou o título do us open ao vencer o alemão Alexander Zverev por 3 sets a 2. Nos dois primeiros sets Zverev foi predominante e conseguiu abrir 2 sets a 0, com parciais de 6-2 e 6-4. Já no terceiro set Thiem conseguiu equilibrar as ações e apostando nas bolas fortes do fundo de quadra, conseguiu vencer com parciais de 6-4 e assim respirou na partida. O quarto set foi equilibrado, com os dois tenistas jogando com muita raça e o suíço venceu por 6-3 e levou o jogo para o set decisivo. No quinto set os dois tenistas empataram 6-6 e foram para o tie break. Neste jogo histórico

Brasileiro vai a final do US Open nas duplas

A dupla formada por Bruno Soares e o croata Mate Pavic venceu os favoritos holandês Jean-Julien Rojer e o romeno Horia Tecau e se classificaram para a final do US Open. Em cerca de uma hora e vinte e cinco minutos a dupla de SOARES VENCEU Por dois sets a zero com parciais de 6/4 e 7/5. Agora na final o time de Pavic e Soares enfrenta a dupla formada pelo holandês Wesley Koolhof e Nikola Mektic. Bruno já foi campeão do torneio na dupla masculina e nas duplas mistas. A grande final de duplas está prevista para a tarde de quinta-feira.

Australian open se prepara

A organização do Australian Open, segundo entrevista do chefe Craig Tailey, ao jornal australiano “The Age”, já está trabalhando em seis bolhas de biossegurança para a realização do torneio em 2021. Serão bolhas em cidades diferentes, Sidney, Adelaide, Perth, Melbourne e Brisbane. Com essas bolhas a organização acredita que os jogadores poderão atuar nos torneios preparatórios e não precisarão passar 14 dias em um hotel ao chegarem no país. Importante ressaltar que a Austrália vive nova crise de contaminação pelo Coronavirus e mesmo assim existe a expectativa de público para o torneio.

Federer se envolve em confusão

O suíço Roger Federer se envolveu em uma polêmica com relação à divulgação da marca de seu tênis durante uma entrevista ao canal SRF Sport . Na suíça toda divulgação de um produto com mais de um minuto tem que ser avisada, antes ou depois da programação, mas isso não foi feito no caso de Federer. Segundo informações o canal culpa o ângulo das câmeras de tv, que não teriam conseguido esconder o logotipo do tênis. Segundo o canal informou em comunicado: “O objetivo era que o calçado e a marca do sapato não ficassem visíveis no enquadramento.”, declarou em o canal. Agora informações vindas da suíça dão conta que as autoridades locais estão investigando o assunto.

Australian Open deve ter bolha em 2021

O tênis pode ter um Australian Open bem diferente em 2021. Acontece que na próxima temporada algumas medidas devem ser tomadas. Segundo a organização uma bolha para os atletas deve ser criada, para evitar a contaminação pelo novo c/oronavírus. A organização diz que deve tomar o US Open e o torneio de Roland Garros como exemplo. A competição australiana deve abrir a temporada dos Grand Slams em 2021.

Djokovic não sabe se vai ao US Open

Segundo o jornal espanhol Marca Novak Djokovic quer participar do US Open, marcado para a partir de 31 de agosto. Entretanto um fator governamental pode atrapalhar, já que Novak teria que ficar 14 dias em quarentena após voltar dos Estados Unidos, já que o país está com restrições para chegada de pessoas vindas de lá para a Europa. Se  fosse ficar em quarentena, Novak perderia dois torneios preparatórios para Roland Garros, que acontecerá a principio em Setembro.

Nadal volta a treinar

O tenista Rafael Nadal voltou a treinar nesta segunda-feira em uma academia, que leva seu nome em Mallorca.na Espanha. A novidade é que ele treinou em quadras de saibro o que dá a entender que ele não participará do giro americano da ATP, que é feito em quadras rápidas. Essa não participação pode ter dois motivos. O primeiro é que Novo Iorque foi a principal cidade dos EUA a sofrer com o Covid 19 e depois o outro motivo seria que não perderia os pontos do us open caso não o dispute, em razão de uma nova resolução da ATP. O Giro americano terá 3 torneios e o último deles é o US Open, que será disputado a partir de 31 de Agosto.

O tenista Roger Federer praticamente garantiu a sua presença nas olimpiadas de Tóquio, caso a mesma seja realmente disputada em 2021. Federer, atual número 4 do ranking, não jogará em 2020 por causa de duas operações no joelho, mas deixou claro em uma entrevista em um lançamento de sua marca de calçados, que deseja estar 100% em julho de 2021 para disputar os jogos olímpicos.. Federer esclareceu que gosta muito da capital japonesa e tem um carinho especial pela olimpíadas, já que foi em Sidney 2000, que conheceu a sua esposa.

Djokovic testa negativo para Covid

Depois de testar positivo para Covid 19 e deixar passar 9 dias Novak Djokovic apresentou exame no qual testou negativo para Covid 19. Segundo nota e ele e sua mulher Jelena nã apresentaram sintomas. Muito provavelmente os dois contraíram coronavirus durante o Adria Tour. Torneio organizado por djokovic, que teve duas etapas, uma na sérvia e outra na Croácia, nas não tiveram protocolos contra a Covid 19